Brasil Insights

Investimentos em mídia movimentaram o equivalente a R$ 129,9 bilhões em 2016

Rita Romero

diretora do monitor na América Latina

Marcas e Propaganda 16.02.2017 / 17:00

TV remote control

Mesmo com a desaceleração da economia, os investimentos se mantiveram praticamente nos mesmos patamares de 2015

A compra de espaço publicitário no Brasil movimentou o equivalente a R$ 129,9 bilhões no ano passado, de acordo com levantamento da Kantar IBOPE Media, que monitora a publicidade nos principais mercados do país. O montante é 1,6% inferior ao acumulado em 2015. Mesmo com a desaceleração da economia, os investimentos em mídia se mantiveram praticamente nos mesmos patamares do ano anterior.

Entre os meios, a TV (aberta, paga e merchandising) segue como principal destino das verbas de mídia, atraindo mais da metade do total aplicado em compra de espaço publicitário. A TV aberta acumulou no período o equivalente a R$ 71,6 bilhões, um crescimento de 2,4% em relação ao ano anterior. A TV paga, com R$ 16,4 bilhões arrecadados, avançou 8,9%, e o merchandising, com R$ 7,9 bilhões, registrou o maior crescimento 14,5%.



Kantar
  • SAVE
  • Close

    SHARE THIS WITH FRIENDS

  • EMBED
    Close

Aproximadamente 2 mil marcas investiram em merchandising no último ano. Em 2016, do total de 1455 anunciantes deste formato, metade deles fizeram compras exclusivas no meio. O avanço no volume de ações em merchandising pode indicar um movimento de adequação da verba de mídia ao novo contexto econômico e as oportunidades que este formato oferece aos anunciantes.

A mídia exterior somou R$ 2,8 bilhões no ano passado, um crescimento de 17% em comparação com os mesmos veículos e período de 2015. A representatividade do meio, ampliada a partir da expansão da cobertura de exibidoras, formatos e novos ambientes monitorados, como transportes, edifícios e estabelecimentos comerciais, comprova a ascensão do meio no último ano. Esse incremento de novos segmentos dentro do OOH (out of home), ainda em curso, indica uma perspectiva de maior participação do meio no bolo publicitário.

Já o montante destinado para a publicidade na internet não deve ser interpretado como uma retração dos investimentos neste ambiente – R$ 5,7 bilhões em 2016. A cobertura atual do estudo, que considera os formatos display esearchem desktop com comercialização direta pelos publishers, confirma a migração que está ocorrendo na distribuição dos investimentos no ambiente digital, com maior participação de vendas programáticas, vídeos e mobile, ainda não representadas pela empresa.

Fonte: Kantar IBOPE Media


Nota da Editora

Os números de compra de espaço publicitário são baseados nas tabelas de preços dos veículos de mídia e desconsidera descontos, permutas e negociações.

 

Precisa de mais dados ou quer entrevistar nossos especialistas? Entre em contato com a nossa editora.

Para ficar informado sobre novos dados e informações, assine a newsletter ou acompanhe a Kantar no Twitter, no Facebook ou no Linked In.

Quer utilizar o nosso gráfico em sua publicação? Basta clicar no símbolo </> EMBED no rodapé do gráfico e copiar o código para incorporar no seu site.

Últimas Notícias

Compra de espaço publicitário dos setores Farmacêutico e Administração Pública e Social conduziram o crescimento no período

Ambas as marcas, que hoje focam em lojas virtuais, anunciaram que estão se preparando para ter lojas físicas

Dados do ConsumerThermometer da Kantar Worldpanel mostram o que acontece com o consumo em meio às incertezas econômicas do Brasil

Marcas que observam as mídias sociais podem escolher usar menções e porta-vozes que fujam do lugar comum

Brasileiros ainda estão inseguros, mas têm esperança de melhoria no próximo ano

Leia também