Brasil Insights

iPhone foi marca mais lembrada na Black Friday

Rupak Patitunda

gerente de pesquisa

Consumo e Negócios 04.12.2015 / 16:00

2015-11-black-friday-tns

No entanto, livros foram o item de compra mais comentado nas redes

O Brasil "importou" o conceito da Black Friday, dia de promoções bastante famoso nos Estados Unidos, e o brasileiro parece estar gostando da ideia de ter um dia especial de promoções, em que ele pode liberar a sua fera particular de compras.

Apesar das diversas 'expansões' sobre o tema, que transformam a Black Friday em "Black Weeks" (semanas de descontos) ou até em "Black Novembers" (o mês de novembro inteiro com descontos), o consumidor se antenou na busca de uma boa barganha na própria sexta-feira, em especial aqueles que são de uma faixa etária mais jovem.

Uma análise de mídias sociais da TNS, empresa parte do grupo Kantar, mostrou que as mulheres representaram 53% do público que fez comentários nas redes sociais sobre a Black Friday, com os jovens adultos (entre 18 e 34 anos) estando entre os que mais falaram sobre o assunto.

Antes mesmo que o dia de descontos se iniciasse, foram mais de 70 mil menções ao evento no Twitter. Entre as principais intenções de compras espontaneamente declaradas às vésperas da data estavam livros, celulares e roupas. O iPhone apareceu em destaque como uma das marcas mais lembradas nas redes sociais, junto de outras grandes marcas como Google, Amazon e Microsoft.

No entanto, encerrados os dias de compra com descontos, os livros acabaram aparecendo em destaque como o item de compra mais comentado na web. Isso pode tanto ser efeito do perfil das pessoas que comentam sobre suas compras na internet ou do perfil da categoria, que facilita esse tipo de declaração - é mais frequente a declaração de compra de um livro do que de um eletrodoméstico, por exemplo.

Word -cloud -black -friday

Um dos motivos que pode ter feito o consumidor não esbanjar durante a Black Friday é o momento quando ela acontece, bem no final do mês, quando as pessoas podem já estar sem dinheiro.

A análise dos comentários nas redes sociais sobre a Black Friday indica que o momento cria uma grande oportunidade para a expansão do comércio eletrônico no Brasil, já que convida o consumidor explorar as ofertas fora dos canais tradicionais.

Fonte: Kantar TNS

Nota da Editora

Clique na imagem na lateral para ver em tamanho maior.

A análise aconteceu entre os dias 23/11 e 04/12/2015, baseada em uma amostra das menções no Twitter, através das ferramentas de Social Media Listening da TNS.

Jornalista, se precisar de mais dados ou se quiser entrevistar algum dos nossos especialistas, por favor, entre em contato conosco. Você também pode receber nossas novidades através da nossa newsletter, ou acompanhando nossas postagens nas mídias sociais.

Últimas Notícias

Álbum do artista representou 10% das vendas de mídias físicas na região desde março

Dentre os que vão a shows, 76% frequentam casas de espetáculos, 55% vão a shows ao ar livre e 48% assistem a shows em estádios

Gamificação, interatividade e instantaneidade dos aplicativos incentivam ações benéficas ao corpo

A Kantar Health participa do congresso ISPOR e mostra os desafios do tratamento oncológico no sistema de saúde privado no Brasil

Insights do Kantar Talks, com as mais recentes tendências para o mercado brasileiro

Leia também