Brasil Insights

BrandZ: Marcas de cuidados pessoais personalizam para atender à ideais de beleza mais diversos

Jacqueline Lafloufa

Editora de conteúdo e insights

Marcas e Propaganda 28.08.2017 / 04:00

Woman applying make up

Anúncios em plataformas móveis ajudam a incentivar clientes da navegação nas lojas para a compra

Em uma categoria comoditizada, cheia de opções, as marcas tentam se diferenciar e ajustar às novas expectativas dos consumidores, que têm novas necessidades e modos de pensar. Para as marcas, o desafio é se alinhar com os valores dos consumidores.

Para fazer com que o público feminino se orgulhe do seu visual e se sinta bem, as marcas prometem melhorar a saúde a a beleza interior. Cresce o número de diferentes tipos de bases faciais, por exemplo, não apenas para que representem um maior espaço da prateleira, mas também para combinar com uma maior variedade de tipos de peles. As marcas criaram mais produtos personalizados, que comunicam um respeito pela diversidade e uma iniciativa de ser tanto aspiracional como acessível.

Mudanças de estilo também afetam as rotinas de cuidados pessoais. Subcategorias como produtos de beleza resistente à suor ou água expandiram muito, atendendo às demandas de mulheres que têm pouco tempo disponível e que prefeririam lavar menos os cabelos ou buscar soluções mais rápidas e práticas, como o shampoo a seco, maquiagem à prova d'água e maquiagens e shampoos que contenham proteção contra a poluição.

As marcas de cuidados pessoais também sofreram pressão de marcas de nicho. Inovação na área cosmética geralmente advém dos EUA, e na área de fragrâncias, as novidades vêm da Europa. No ramo de cuidados com a pele, as marcas tiveram como competidoras startups inovadoras vindas da Ásia, que focaram na noção cultural de que a beleza irradia de dentro para fora.

Esses desafios, juntamente com a flutuação monetária, resultaram em um crescimento de apenas 1% no valor das top 15 marcas de cuidados pessoais do BrandZ, um aumento modesto em relação ao ano anterior, quando o valor das marcas se manteve estável, e um pouco abaix do crescimento observado em 2015, quando a categoria cresceu 2%.

Confira abaixo as marcas de cuidados pessoais mais valiosas do mundo, segundo o BrandZ

BrandZ_Ranking_personal_care_cuidados_pessoais_2017

Fonte: Kantar Millward Brown, Kantar Vermeer

Nota da Editora

Veja todas as matérias sobre BrandZ

Últimas Notícias

Dentro ou fora de casa, 24 horas por dia, 7 dias por semana

Cai busca por alisamentos dos fios e mulheres se mostram mais felizes com cabelos ao natural

Enquanto isso, a chinesa Xiaomi chega ao mercado europeu

Consumidores mais conectados e engajados demandam maior integração na indústria

Fenômeno das ‘notícias falsas’ afetou a reputação das mídias sociais como fontes de informação

Leia também