Brasil Insights

Cacheadas e felizes

Consumo e Negócios 10.11.2017 / 06:00

cabelos-cacheados-crespos-naturais-cuidados-com-os-fios

Cai busca por alisamentos dos fios e mulheres se mostram mais felizes com cabelos ao natural

Se você tem sentido que existem cada vez mais mulheres de cabelos cacheados por aí, sua percepção não está errada. Muitas das cacheadas têm passado pelos chamados processos de “transição capilar”, abandonando procedimentos químicos que alisavam suas madeixas e apostando em penteados e estilos que usem os fios ao natural.

Esse movimento que empodera as mulheres cacheadas e crespas têm reflexos na realização de procedimentos químicos ao cuidar dos cabelos. Entre as brasileiras, os alisamentos químicos caíram 6 pontos percentuais, bem como as luzes e colorações em geral, segundo informações da Kantar Worldpanel. 

Cacheadas -brasileiras -quimica -cabelos

O único procedimento capilar que cresceu, ainda que discretamente, foi o permanente. Essa tendência pode ser tanto reflexo de uma maior valorização dos cabelos cacheados como também o uso do permanente como uma forma texturização dos fios, facilitando o processo de transição para aquelas que querem evitar cortar os fios alisados, momento conhecido como “big chop” (ou grande corte).

Naturais e felizes

O abandono da química para alisar os cabelos surgiu alguns anos depois do boom de alisamentos definitivos e progressivos dos anos 2000. Muitas das mulheres que alisavam seus cachos passaram a se questionar se o faziam por gosto ou por pressão social, o que gerou um grande movimento de valorização dos fios cacheados.

Blogs, vlogs e sites apareceram para inspirar as cacheadas nos cuidados dos seus cabelos, movimentando um mercado de produtos naturais e cuidados específicos para cabelos crespos, cacheados e ondulados. O impacto desse movimento pode ser sentido até mesmo nas buscas: segundo o Google, entre 2016 e 2017 houve 232% de aumento nas pesquisas por “cabelos cacheados”, enquanto interesse por “cabelos afro” subiu 309%.

Muitas mulheres ainda mantêm rotinas de cuidado com os cabelos que incluem procedimentos químicos, mas entre aquelas que abandonam os procedimentos, é forte a tendência de felicidade com os próprios fios, além da preferência por um visual mais natural.

Cacheadas -procedimentos -cabelo

Os reflexos desses novos hábitos e desejos podem ser sentidos tanto nas passarelas, com a SPFW trazendo mais modelos crespas e cacheadas, quanto nas prateleiras dos mercados, que cada vez mais têm produtos específicos para fios cacheados e crespos.

Fonte: Kantar Worldpanel

Nota do Editor

O estudo da Kantar Worldpanel levou em conta 4.000 indivíduos e seus comportamentos com cuidados com o cabelo. O período analisado foi de 2015 a 2016.

 

Se interessou por esse tema? Procure o seu atendimento Kantar e peça a ele uma apresentação sobre consumo de Hair Care.

Jornalista, se precisar de mais dados ou se quiser entrevistar algum dos nossos especialistas, por favor, entre em contato conosco.

Você também pode receber nossas novidades através da nossa newsletter, ou acompanhando nossas postagens no Twitter, no Facebook ou na nossa página no Linked In.

Últimas Notícias

A partir de 2 de abril, todos os serviços serão entregues sob uma única marca: Kantar. Com isso, as outras marcas operacionais não serão mais utilizadas.

Para especialistas, é difícil mensurar, porém as agressões de força contra o sexo feminino ocorrem desde quando o mundo é mundo.

Loja de pesquisa e insights on-demand que combina uma amostra de alta qualidade, pesquisas customizadas e retorno rápido

Como uma marca pode criar uma imagem de sucesso que se relacione com os consumidores em um contexto de opiniões polarizadas?

Inteligência Conectada, Inteligência Artificial e Tecnologia de Voz são algumas das tendências que irão transformar o panorama da comunicação e do marketing esse ano, afirma o Media Predictions, estudo global da Kantar

Leia também