Brasil Insights

Paixão nacional, café é comprado por mais de 90% dos domicílios brasileiros

Giovanna Fischer

Marketing and Consumer Insights Director

Consumo e Negócios 15.04.2019 / 00:00

938993594

Na Grande São Paulo, o índice é de 93%, porém, mesmo com a forte presença, o consumo domiciliar tem caído

O café segue como uma das bebidas preferidas do país. De acordo com dados da Kantar, 94% dos lares brasileiros compraram o produto em 2018. Na Grande São Paulo, o índice é de 93%, porém, mesmo com a forte presença, o consumo domiciliar tem caído. Na comparação do ano passado com 2017, 213 mil casas deixaram de ter o produto em sua despensa na região metropolitana de SP. E analisando a rotina semanal de consumo dentro de casa, 74% dos paulistanos beberam café no próprio domicílio com uma média de seis vezes na semana.

Café 1

 

A compra de cafés para consumo dentro do lar apresentou queda na Grande São Paulo e fora do domicílio a tendência também se manteve, 742 mil paulistanos deixaram de consumir a bebida fora de casa.

Em se tratando de canais de consumo fora do lar, 4% dos paulistas consumiram cafés em ambulantes com ticket médio semanal de R$ 2,60 e 16% em cafeterias, com um ticket médio de R$ 5,54.

Ao analisar o ticket médio de cafeterias aos finais de semana em comparação com a média de canais, ele fica 55% mais caro, R$ 9,16.

 

Café 2

“Ainda uma das bebidas mais importantes para o brasileiro, o café segue com forte presença nos lares. Enquanto vemos uma diminuição no consumo tanto dentro como fora de casa, há diferentes oportunidades quando analisamos os momentos de consumo fora do lar. Como pudemos perceber na análise, o ticket varia de acordo com os canais de consumo, cafeterias apresentam um gasto muito superior versus ambulantes, por exemplo”, afirma Giovanna Fischer, Diretora de Marketing e Insights da Kantar.

 

 

Fonte: Kantar

Nota do Editor

Os dados são do Worldpanel FMCG, Worldpanel Usage Foods & Beverages e Worldpanel Out of Home, que monitora os hábitos e comportamento de compra, uso e consumo de consumidores e shoppers 360º em todo o Brasil.

Últimas Notícias

A Kantar avaliou o equity de várias marcas para entender o cenário atual e o que diferencia aquelas que mais crescem

Marca de Jeff Bezos ultrapassa a Apple e aumenta o seu valor de marca em 52%

As fronteiras entre a tecnologia, as pessoas e o entorno estão cada vez menos visíveis. Isso muda por completo a forma como as marcas se comunicam

Varejo e bancos impulsionam o crescimento do valor total das marcas mais valiosas do ano

Banco investiu em soluções tecnológicas e experiência do cliente para crescer 35% e chegar ao topo; Google leva o prêmio de marca mais forte e Magazine Luíza, a com maior crescimento

Leia também